Prefeitura de BH apresenta sua política de inovação aberta no Minas Summit

Kinasta Elphine
Kinasta Elphine
2 Min Read

A nova política de inovação aberta de Belo Horizonte, coordenada pelo BHLab, foi apresentada ao setor de startups durante o Minas Summit, maior evento de inovação corporativa do Brasil, que reuniu representantes de mais de 800 empresas de todo o país, no dia 30 de junho, no Minascentro.

As novidades sobre a política foram exibidas em um estande que recepcionou o público durante todo o evento e, dentro da programação de painéis e palestras, o Secretário Municipal de Desenvolvimento Econômico, Fernando Motta, apresentou as qualidades e as ações que diferenciam a capital na atração de centros de pesquisa e desenvolvimento e para sediar headquarters de empresas globais.

“Belo Horizonte é a capital do estado, então se as cidades do entorno crescem, nós crescemos juntos. Por isso é tão importante eventos como esse, que nos proporcionam o diálogo com os mais diferentes atores, sejam eles internos ou externos, públicos ou privados, para garantirmos novos investimentos e soluções que tragam desenvolvimento para o município”, afirma Fernando Motta.

O prefeito Fuad Noman assinou, no dia 14 de junho, um decreto que institucionaliza a política de inovação aberta de Belo Horizonte. A determinação prevê a criação do BHLab, estrutura de governança que vai coordenar os programas de promoção e incorporação de inovações na gestão pública, principalmente aqueles que envolvam a participação de startups.

“Nós demonstramos como estamos fomentando o ecossistema de inovação em Belo Horizonte e, consequentemente, melhorando a qualidade na prestação de serviços públicos municipais ao cidadão. Isso também resulta na atração de nossos empreendimentos e investidores para o município”, comenta o presidente da Empresa de Informática e Informação do Município de Belo Horizonte (Prodabel), Jean Mattos, que também esteve presente ao evento.

Share This Article